Na minha matéria de hoje vou falar especialmente de um prato que eu amo preparar, PAELLA, especialmente a Valenciana, a mais conhecida aqui no Brasil.

A alguns anos atrás tive o privilégio de aprender a fazer esse prato diretamente das mãos de chefs renomados na terra da Paella, a Espanha. Descobri tudo sobre a sua história, forma de preparação, diferenças e o porque deste nome.

Gostei tanto, que hoje a paella é o meu prato preferido para cozinhar, sempre com um clima de festa, a Paella é otima para reunir amigos e familia, na época de pandemia que vivemos prepara-la virtualmente se torna uma brincadeira.

E resolvi fazer a Paella Valenciana especial para a matéria de hoje, como fazia algum tempo que não cozinhava lembrei-me o quanto prazeroso é poder brincar com os alimentos na paellera.

A Paella tem esse nome, porque além do prato ser feito na paellera, e comer direto desta panela, dizem que a palavra Paella surgiu quando os trabalhadores rurais voltavam para seus lares nos finais de semana e em homenagem às suas esposas preparavam essa deliciosa iguaria “Para Ellas”.

Tradicionalmente um prato espanhol, os camponeses e trabalhadores locais criaram primeiramente o arroz a la Valencia, porque tinha muita disponibilidade de arroz e outros ingredientes frescos, se juntando para o almoço e levando o que haviam colhido do local. Cozinhavam tudo em cima de uma fogueira com galhos de laranjeira. Um prato teoricamente simples, com ingredientes do campo e consumido em grupo.

Pasmem!  A Paella original não leva frutos do mar. Isso mesmo, a Paella foi um prato criado por camponeses e agricultores de Valência, como disse acima, sem nenhum ingrediente do mar.

Utilizava-se carne de caça, sobretudo de lebre e de pato, legumes da estação e açafrão retirados das flores, dando o colorido amarelado ao arroz. Passado algum tempo, a Paella difundiu-se e alcançou o litoral. Aí acrescentou-se os frutos do mar: camarões, lulas, vôngoles, mexilhões, lagostins e polvo, tornando-o um prato misto de terra e do mar.

A receita que preparei vai frutos do mar, com certeza, você precisa somente seguir o passo a passo e conseguirá sentir o gostinho da Espanha na sua cozinha.

Antes de começar a receita, não esquecem da Paellera, você pode achar em qualquer loja de utensílios, para o fogo eu utilizei o fogão a lenha que tenho em casa, mas podem fazer nas bocas do fogão de sua casa.

 

Vamos à receita:

CALDO:

  • 1 1/2 litro de água
  • 1 colher (chá) de açafrão (pode achar no supermercado na parte de tempero o paellero para dar cor se preferir)
  • 8 cabeças e cascas camarões (normalmente conto 1 por pessoa)
  • 1 cabeça de robalo ou pescada pequena

PAELLA

  • 1 xícara (chá) de lombo de porco (cortado em cubos)
  • 1 xícara (chá) de carne de frango (cortada em cubos)
  • 1/2 xícara (chá) de azeite
  • 1 xícara (chá) de lingüiça defumada (retirar a pele)
  • 1 cebola grande picada
  • 1 pimentão verde grande em tiras (para usar na decoração)
  • 1 pimentão amarelo grande cortado em tiras (para usar na decoração)
  • 1 pimentão vermelho grande cortado em tiras (para usar na decoração)
  • 1 xícara (chá) de vagem picada
  • 3 dentes de alho picados
  • Sal a gosto
  • 1 xícara (chá) de lula cortada em rodelas
  • 1 xícara (chá) de camarão médio sem casca (a casca e a cabeça vc usou para o caldo)
  • 1 xícara (chá) de peixe cortado em cubos
  • 3 xícaras (chá) de arroz bomba (arroz típico da paella, vc consegue achar em diversos supermercados)
  • Caldo de peixe

DECORAÇÃO:

  • 1 pimentão verde grande em tiras ( já grelhado )
  • 1 pimentão amarelo grande cortado em tiras (já grelhado)
  • 1 pimentão vermelho grande cortado em tiras (já grelhado)
  • 24 unidades de mariscos na concha
  • Os camarões cozidos
  • 1/2 xícara (chá) de salsinha


MODO DE PREPARO:

Caldo de peixe para cozinhar o arroz:

  1. Num caldeirão com a água e o açafrão, coloque as cabeças e casacas dos camarões, e a cabeça do peixe. Após 5 minutos de fervura, retire os camarões e deixe o peixe em fogo baixo, para cozinhar o arroz.

Paella:

  1. Coloque o azeite na Paellera. Refogue os camarões grandes com a cabeça e rabo reserve. Refogue o lombo de porco reserve. Refogue o frango reserve. Refogue a linguiça reserva. Refogue os camarões menores reserve. Refogue a lula reserve. Refogue o peixe reserve. Refogue os pimentões reserve. Refogue a vagem reserve. Refogue a cebola com o alho e em seguida coloque os ingredientes um a um, começando pela parte central da Paellera, ou seja, a parte mais quente da panela e distribuindo pelas laterais.

Espalhar os ingredientes, colocar o arroz em cruz. Após colocar o arroz, acrescente o caldo de peixe aos poucos. Decore com os camarões, os pimentões refogado, os mariscos, a salsinha e cubra com papel alumínio por cerca de 20 minutos ou até o arroz está cozido.

 

Vanessa Ierizzo
@vanessa_ierizzo

Chef e amante do mundo

#receitas #paella #paellavalenciana #receitafacil #receitarapida #delicioso