Paladar infantil

Paladar infantil

Testar diferentes maneiras de preparo dos alimentos pode ser uma solução para erradicar esse transtorno

É muito comum encontrar pessoas que possuem o paladar seletivo e tem uma certa dificuldade para consumir alguns alimentos. Esses são os famosos “adultos com paladar infantil”. Os principais alimentos que são alvos dessa seletividade são: verduras, legumes ou frutas e com isso, podem existir vários problemas que possivelmente se relacionam a esse fenômeno, como a falta de degustação de uma variedade mais ampla de alimentos na infância e que muitas vezes, os pais não oferecem por falta de conhecimento ou até medo daquele famoso “será que ele pode?”. Além desse fenômeno, a aversão a certos tipos de comidas pode estar ligada a um trauma onde a pessoa foi forçada a consumir determinado alimento. Por fim, existe a neofobia alimentar, que é quando a pessoa sente medo de experimentar novos alimentos.

Caso a seletividade da pessoa for muito grave, necessariamente deve ser envolvida uma ajuda psicológica junto com a nutrição, para que o paciente entenda a importância e os benefícios da ingestão de novos alimentos.  

Não se pode trabalhar apenas para mudar hábitos alimentares. A primeira dica é incluir aos poucos e uma forma de fazer isso é criando metas e acrescentando um novo alimento por semana. Outra dica é misturar o novo alimento junto a outro ou a uma preparação considerada habitual que ele já consome e gosta. Como por exemplo, misturar cenoura com o arroz, omelete e bolos”.

 

Outra dica importante recomendada por Leticia é que se deve insistir e provar alimentos das formas mais variadas possíveis. Como por exemplo: cru, cozido, assado, em receitas e em sucos para que a pessoa consiga uma melhor aceitação com uma refeição repleta de novos ingredientes. 

Outro ponto interessante é participar de todo o processo, se envolver na preparação, sentir aromas e provar sabores. Quem nunca ficou com vontade de comer alguma coisa vendo ser feita ou sentindo o cheiro? É preciso procurar ajuda de um profissional habilitado que mostre realmente a importância de uma alimentação variada e saudável e que também possa incluir opções de substituição caso certos alimentos não sejam tolerados de forma alguma, tudo isso para que possam ser supridas as necessidades nutricionais”.

 

Fique atento aos sinais !!!

Você ainda tem paladar infantil?

  1. Quanto mais rápido melhor, você gosta mesmo é de comida congelada, só colocar no microondas e plim!;
  2. E o miojo que leva só 3 min? Um presente dos céus;
  3. Os atendentes de fast food já sabem seu nome e seu lanche preferido;
  4. Sabe aquelas promoções de lanche? Obrigado por existirem!;
  5. Você sabe que é um problema comer tanta porcaria, mas é incrível perceber como sua fome some só de pensar em comer uma banana;
  6. Separar os alimentos no prato, tipo tira a salada, ervilha, cebola…rs;
  7. Se for algo saudável, tem que ser acompanhado de algo gordo, tipo milho com manteiga ou morango com chocolate;
  8. Sua mãe sempre se irritou na hora de fazer comida pra você;
  9. As pessoas continuam falando que você é fresca(a) e levar você pra jantar fora é complicado;
  10. Comidas exóticas? Sai fora, você não come peixe cru!;
  11. Drive thru é uma das melhores coisas que já inventaram;
  12. “Não pode falar que não gosta se não experimentou” – PODE SIM;
  13. Sua alimentação não faz nenhum sentido. Você toma coca-cola de manhã, almoça miojo, janta nuggets…;
  14. Um dos poucos jeitos de convencer você a comer algo saudável é prometer uma sobremesa muito maravilhosa depois;
  15. Na maioria das vezes você resolve sua fome com pizza, até porque dá pra aproveitar de café da manhã depois, rs;
  16. É, você ainda brinca com comida, heheh

Giovanna Giacomini
@gio.nutri