Ressignificar

Ressignificar

O que de fato, tratando-se de jóias esta palavra tão significativa e cheia de propósito quer dizer? Muito!

Os significados das jóias vão muito além do preço; sendo o real VALOR; aquele que é inestimável sua mais preciosa prerrogativa. Suas jóias de família carregam muito mais do que a monetização herdada, carregam histórias, repletas de amor, memórias, realizações e momentos únicos.

Ressignificar jóias, customizando-as, sem descaracterizar sua essência, vivendo a experiência de renová-la com afeto; é sem dúvida um dos processos mais significativo para qualquer joalheiro é sobre isso que vamos falar!

Transformar, renovar, recriar para encantar. Sobre o processo; por onde começar?

Desejar e ter um propósito é fundamental

 

O melhor exemplo de ressignificação de jóias da atualidade, é feito com as jóias que foram da Princesa Diana e transformados de maneira personalizada e exclusiva para suas respectivas noras, muitos detalhes envolveram a partilha do acervo; pensado por Diana e que foi entendido por seus filhos, que independente dos ritos e os protocolos reais; conduziram todo o processo a outro nível; prevalecendo apenas o afetivo.

Entrevista

Servirá como base para toda a criação. Traduzir suas expectativas e transforma-las em sua desejada jóia, será nosso objetivo. O cliente estipula o Budget máximo. Desenvolveremos a jóia respeitando tudo que foi alinhado nesse dia, tornando a experiência ainda mais especial

Criação

Conduzido por consultora especializada, o cliente vivência todo o processo. Após a entrevista; válida a curadoria de referências, escolhe o desenho e defini a matéria prima e tipos de acabamento de sua jóia. Nesse momento definimos o que poderá ser reaproveitado e o que será incorporado.

Conclusão

A entrega da jóia pronta será a materialização do que foi sonhado e desejado; uma jóia única é surpreendente.

 

Detalhes importantes

  • jóias de época não devem ser descaracterizadas; sem a total ciência e concordância do que será feito, na maioria das vezes depois de iniciada a reforma: dificilmente poderá ser voltar atrás (falando principalmente sobre jóias confeccionadas antes de 1950, onde processos ourivesaria “handmade” eram feitos de outra forma e com matéria prima diferentes da atualidade.
  • em caso de substituição de materiais; opte sempre por materiais não sintéticos e por utilização de metais compatíveis com a jóia.
  • fotografe todo o processo e mantenha junto com às garantias e certificados, o registro detalhado é muito importante.

A certeza do encantamento sobre o resultado da jóia pronta, vai depender de três fatores fundamentais:

  • tradução das expectativas desejadas x possibilidades reais, validada através de croquis, de preferência em 3D.
  • material empregado
  • primor no acabamento

Andrea de Castro Rodrigues Alves
Especialista e Apaixonada por jóias – Corsage
Siga a Andrea no Instagram